terça-feira, 24 de março de 2015

CEMITÉRIOS PODEM AJUDAR A PROLIFERAR A DENGUE


O Ministério Público e os vários órgãos de Saúde têm buscado conscientizar sempre mais a população sobre os cuidados para evitar o surgimento de focos da larva do mosquito da Dengue e a infeliz proliferação do animal peçonhento e mortal. Nos dois Cemitérios de nossa paróquia, em Vargem do Cedro e em São Luiz, vários cuidados têm sido tomados e há placas conscientizando a população. 

Todavia, é preciso que todos fiquem atentos aos reservatórios com água parada, como os vasos  sobre os túmulos, locais prediletos dos mosquitos. Visando o bem de toda a comunidade, nossas pastorais não podem deixar de dar sua contribuição “para que todos tenham vida e vida em abundância”, sem a sombra da Dengue.


O Município de São Martinho (SC) comunicou à população que “estamos com foco de Aedes Aegypti em nosso município”, e deu várias dicas para evitar a proliferação do mosquito: colocar areia nos pratinhos de plantas; remover água acumulada nas folhas das plantas, manter as lixeiras tampadas, lavar com escova os potes onde se coloca comida e água para os animais; manter ralos fechados e desentupidos; guardar pneus secos e cobertos ou preenchidos com terra; manter desentupidas as calhas para água de chuva; não deixar água acumulada na laje... entre outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário