sexta-feira, 17 de junho de 2016

CELEBRAÇÃO MARCA OS 85 ANOS DO MARTÍRIO DE ALBERTINA



(15/06/2016) O calendário litúrgico da Igreja prevê hoje a Memória da Beata Albertina, Virgem e Mártir. No Santuário de Aparecida, em São Paulo, e em vários outros lugares do mundo se celebrou o seu testemunho. 

Em Brasília, D. João Francisco, Bispo de Tubarão, concelebrou com Dom Giovanni d'Aniello, Núncio Apostólico no Brasil e com outros Bispos participantes da reunião do Conselho da CNBB. Nos Seminários de Tubarão, Florianópolis e Brusque (Azambuja) os seminaristas celebraram o Ofício da Beata. 

Na paróquia de Oficinas, em Tubarão, o Pe. Sérgio Jeremias, Vice-Postulador da Causa de Canonização de Albertina presidiu Missa solene e promoveu procissão com a imagem da Beata. 

No santuário Diocesano da Bem-Aventura Albertina, em São Luiz, Imaruí (SC), Pe. Auricélio Costa presidiu a Missa Solene. Além de moradores da comunidade, outros romeiros se fizeram presentes. Dentre ele, os missionários da Comunidade Maria Porta do Céu. Também a irmã de Albertina, D. Maria Verônica, que mora em Vargem do Cedro (São Martinho) participou da celebração. 

O sacerdote cantou duas de suas canções sobre a Beata: “No Santuário de Albertina” e, junto com o André Berkenbrock, sobrinho-neto da Santinha, cantou “Albertina nos Passos do Senhor”. Outros parentes de Albertina estavam presentes. Como os jovens André e Lucas, que animaram a celebração. Ao final, todos receberam a bênção com a relíquia da Beata.

Nenhum comentário:

Postar um comentário