sexta-feira, 30 de outubro de 2015

ASSEMBLEIA DIOCESANA DE PASTORAL – IGREJA VIVA!



(16-17/10/2015) Representantes do Povo de Deus de todas as 28 paróquias da Diocese, mais o clero e o Sr. Bispo reunidos, na presença do Espírito Santo! Uma festa eclesial! A ornamentação da capela da CEDA, em Tubarão, que serviu de espaço para as sessões, recordava-nos de nossa missão. O belo trabalho foi, como sempre, capitaneado pela sempre catequista Maria Stela Della Giustina. 

Pe. Lino, o Coordenador de Pastoral, dirigiu os trabalhos, juntamente com seus auxiliares. Meu irmão Renato e minha cunhada Fátima cuidaram da animação do evento, em nome da Pastoral Familiar. 

D. João abriu os serviços recordando algumas ATITUDES QUE PODEM NOS LEVAR À FELICIDADE (vida plena): encontrar razões para ser agradecido; tomar decisões com sabedoria; tocar alguém no coração. Lembrou São Paulo que dizia “Eu não me envergonho do Evangelho; ele é força de Deus, minha salvação”! Explicou que podemos ter atitudes que oprimem o Evangelho; mas é preciso “libertar” o Evangelho. Também disse que “nossa assembleia precisa ser marcada pela atitude de gratidão por tudo que Deus fez e faz através de nosso empenho. Nossa assembleia precisa saber decidir, isto é, ‘manter o foco’ n’Ele, Jesus! A assembleia é um esforço em conjunto para atualizar a prática de Jesus. Assim, todo o nosso trabalho será um serviço, fruto da generosidade, sob a ação do Espírito Santo!” 

Após uma bonita Celebração da Palavra, Pe. Nilo Buss apresentou a Avaliação colhida nas paróquias. Muitos comentaram os resultados. No dia seguinte, pela manhã, falou-se sobre a atual conjuntura sócio-política-econômica e religiosa em que vivemos. Pe. Eduardo Rocha dirigiu as reflexões. 

Em seguida D. João falou sobre o Ano da Misericórdia. O Murilo Medeiros apresentou a base do projeto Rota 300, por ocasião da visitação da imagem peregrina da Senhora de Aparecida à nossa Diocese. Pe. Lino apresentou as sugestões para atualizar o Plano Pastoral da Diocese, que foram aprovadas. 

Celebramos juntos a Missa. Após o trabalho de grupo, a assembleia aprovou algumas ações comuns para o próximo ano, segundo as Urgências da Evangelização. 1 – Rearticular o COMIDI e continuar a preparação do Projeto de Missões Populares. 2 – Continuar o trabalho de revisão dos Roteiros de Catequese. 3 – Criação da Escola Bíblica Diocesana. 4 – Formar uma Comissão para auxiliar a Pastoral Vocacional. – Encontro Diocesano de Lideranças das Pastorais Sociais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário