terça-feira, 24 de março de 2015

RECONSTRUÇÃO DA VIA-SACRA NA SERRINHA DE IMARUÍ

Foi por ocasião da 1ª Peregrinação da Fé, em 2002, que se decidiu colocar novamente as cruzes da Via-sacra na Serrinha de Imaruí, entre Forquilha do Aratingaúba e São Luiz. Na ocasião, se buscava uma forma de motivar as pessoas a visitarem a terra da Serva de Deus, visto que D. Hilário Moser tinha decidido reabrir o processo de canonização da Albertina. 

Considerando que ela é imaruiense, como pároco e paroquianos de Imaruí, sentimo-nos comprometidos em dar nossa contribuição e promovemos uma Romaria Paroquial. Mas também convidamos as demais paróquias da Comarca de Laguna e as paróquias de Armazém, São Martinho e Vargem do Cedro. 

ecebemos muito apoio. Um grupo de caminheiros de Capivari, em torno do Pe. Eduardo Bittencourt, que já havia feito uma caminhada daquela cidade até São Luiz, se organizou para participar também. Envolvemos a SANTUR (na época, Secretaria de Turismo de SC), outros órgãos de divulgação e até o Bispo veio participar. Várias famílias e comunidades doaram as cruzes da Via-Sacra. Não tínhamos condições de construí-las de concreto; o jeito foi usar eucaliptos. 

As famílias deixaram fincar as cruzes nos seus terrenos, recordando que, muitos anos antes, já existia uma Via-Sacra no local. E ficou tudo muito bonito. Mas, depois, com o passar dos anos, porém, não havendo o devido cuidado, os cruzeiros envelheceram e caíram. 

Hoje existem apenas quatro cruzes em pé. Mas, se depender da boa vontade das lideranças do Santuário, até a próxima Semana Santa, os romeiros poderão desfrutar da nova Via-Sacra, de cimento. Várias pessoas já se dispuseram a ajudar a cobrir os gastos com o empreendimento e outros devotos haverão de dar seu auxílio também. Uma boa expectativa já está criada. Todos esperam para o ritual de bênção das novas Estações da Via-Sacra, aproximando a comunidade da Forquilha ao Santuário. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário