terça-feira, 30 de julho de 2013

SEMINÁRIO – MISSA DE AÇÃO DE GRAÇAS



29 de julho de 2013. 19:30h. Hoje agradeço a Deus pelo chamado ao sacerdócio. Já se passaram 18 anos desde aquele 29 de julho de 1995 quando, na Catedral repleta de fiéis, fui ordenado presbítero, pelas mãos de D. Hilário Moser, nosso atual Bispo Emérito. “O Senhor é meu Pastor; nada me faltará” foi o lema que escolhi para o meu ministério. Hoje almocei com o Pe. Pedro De Biasi, aqui no Seminário. Preparamos o cardápio: macarronada, galinha assada, salada e vinho. 

À noite, recepcionamos nossos amigos para a Missa na capela da CEDA. Os seminaristas Jean e Lucas Bittencourt, recém-chegados da JMJ, tinham mil histórias para contar. Eu presidi a cerimônia, concelebrada pelo Pe. Pedro. O Cézinha e o Marcos, do Morrotes, cuidaram da animação. Os demais seminaristas permanecem em férias. 

Ao final da celebração, Pe. Pedro fez referência ao meu trabalho na música religiosa, falando sobre meu novo CD. Eu li um comentário que escrevi no encarte do mesmo, que diz: Quando o Santo Padre João Paulo II esteve em Florianópolis pude cantar e tocar algumas canções para o Papa. Naquela ocasião, ao me chamar para perto de si, me abençoou e me disse no seu português: “Quem canta reza dois!”. Quero agradecer a Deus pelos 18 anos de sacerdócio com este 10º CD. As canções desta COLETÂNEA foram escolhidas sem critérios rígidos. Todavia, cada uma delas fala muito ao meu coração. E estas mensagens eu gostaria de partilhar com você. Por isso, bom proveito! Minha sincera Gratidão ao pessoal do MEJ e do Coral Raízes de Imaruí e do Poder da Canção. E também à todos os que ajudam a música religiosa a se expressar. O objetivo, evidentemente, é que, de alguma forma, tudo isso sirva para a construção do Reino de Jesus Cristo! 

O Cezinha cantou uma linda canção do Pe. Antônio Maria “Padre, que bom que você apareceu”. Fiquei muito agradecido. Terminada a celebração, atendi a várias pessoas que vieram pedir dedicatórias nos novos CD’s.

Nenhum comentário:

Postar um comentário