FESTA DA IMACULADA EM MORRO BONITO – JAGUARUNA


02 de dezembro de 2012. 10h. A escolha da padroeira de Morro Bonito, Nossa Senhora da Imaculada Conceição, deu-se por um fato muito curioso que aconteceu no lugar pelos idos de 1917. Era tempo de Primeira Grande Guerra e Nossa Sra. aparecia em Fátima, Portugal. Duas crianças, enquanto brincavam, avistaram uma imagem de Nossa Senhora, sob uma árvore.

Dezenas de anos depois, por volta de 1950, no clima da anunciação do Dogma da Imaculada Conceição,  aqueles “videntes” resolveram contar o que haviam testemunhado. Nossa Senhora lhes dirá a construção de uma gruta no lugar e que as pessoas tomassem água de uma fonte que ela faria nascer do lugar.

Foi construída uma grutinha e a notícia se espalhou por toda parte. Excursões vinham de longe para passar algum tempo no lugar e fazer as devoções marianas.

Hoje, pela manhã, eu presidi a Missa na gruta. Ela foi toda reformada e construíram uma tenda para abrigar os devotos. Um grupo de músicos de Morro Grande, liderado pelo seu Edinho, animou a celebração.

O seminarista José Luiz me acompanhou e deixou uma mensagem vocacional à assembleia. A comunidade estava muito feliz. O andor com a imagem da Imaculada foi trazido em procissão desde o Salão de Festas até à Gruta acompanhada pela Banda Municipal.

Foi muito bom celebrar com a comunidade me meio ao bosque que circunda a gruta. D. Anita, filha do seu João Candinho, ex-proprietário, construtor e zelador da gruta durante muitos anos, narrou a história da devoção no lugar.

Comentários