MISSA DO CRISMA NA CATEDRAL DE TUBARÃO



05 de abril de 2012. 9h. A linda manhã desta Quinta-feira Santa criou o clima adequado para a festiva celebração na catedral diocesana. Todo o presbitério de Tubarão, exceto alguns padres enfermos ou que prestam serviços em outras dioceses não estiveram presentes.


Visto que a sé diocesana se encontra vacante, o Colégio de Consultores convidou o bispo de Criciúma, D. Jacinto Flach para presidir a celebração.


Com a sua presença o “colégio apostólico” estava completo. Muitos leigos e religiosos vieram participar da celebração.


Os seminaristas diocesanos estavam radiantes, vendo e revendo os padres de nossas paróquias, sonhando já o dia em que eles mesmos farão parte deste presbitério. Falo isto porque, quando jovem seminarista, também eu sonhava este sonho que, graças a Deus, se realizou.


Em sua breve e espontânea homilia, D. Jacinto refletiu: “O mundo de hoje tem muita fome e sede de testemunhos autênticos. E sabe respeitar, mesmo que não concorde, com estas pessoas que dão um fiel testemunho. Que missão linda e desafiadora a nossa!


Nós fomos escolhidos pelo Senhor para este ministério. Precisamos estar solidários aos que estão cativos em nossa sociedade. As famílias, de modo geral, andam muito sofridas. Muitas pessoas andam escravizadas em nossa sociedade. Como discípulos de Jesus precisamos enxergar mais o próximo.


Hoje vivemos em meio a uma crise generalizada, especialmente no campo moral. As pessoas andam sem esperança! Precisamos testemunhar que só um é o Senhor e que, sem Deus, não haverá saída para a situação em que nos encontramos. As leituras de hoje nos dizem que Ele é a resposta; “é o Alfa e o Ômega”!


Ao mundo precisamos levar o oxigênio de Cristo! Hoje, dia da instituição do sacerdócio cristão, precisamos recordar a importância do padre em nossas comunidades.


O padre traz Jesus presente na Eucaristia. Padre e Eucaristia formam a comunidade. A Eucaristia é a nossa força de comunhão. Pois, vejamos, somos mais de dois bilhões de cristãos no mundo. Só os católicos somam hum bilhão e 300 milhões de pessoas! As demais denominações religiosas cristãs somam 700 milhões de fieis, mas divididos e subdivididos em mais de 410 grupos.


Os segredo da Igreja Católica permanecer em comunhão, a meu ver, é a Eucaristia. Temos que agradecer muito a Deus. Segundo o Cura D’Ars, São João Maria Vianney, padroeiro dos padres, ‘o maior presente que Jesus poderia dar à Igreja é um presbítero com o coração do Bom Pastor’. Pois, o padre é aquele que se dedica para animar as lideranças e sabe amar as pessoas.


Por isso, precisamos amar muito os nossos padres. E, nós padres, precisamos amar muito nossas comunidades. Permaneçamos fiéis no Senhor. Uma Igreja fiel não será destruída. E fará surgir muitas vocações ao sacerdócio. Continuemos rezando para que o Senhor chame muitos jovens a este santo ministério.”


Durante a celebração os padres renovaram seus compromissos presbiterais. D. Jacinto abençoou os “santos óleos” dos Catecúmenos e dos Enfermos e consagrou o do Crisma. Ao final, os padres cumprimentaram os fiéis.

Comentários