quarta-feira, 28 de março de 2012

IMARUÍ, TERRA DO SENHOR DOS PASSOS








25 de março de 2012. Em espírito de romaria, eu e os seminaristas José Luiz, Jonas e Lucas Bittencourt fomos para a Festa de Passos em Imaruí.


A primeira parada foi para a Santa Missa na matriz de Nova Brasília. Pe. André, já um pouco melhor de sua enfermidade, convidou-me a concelebrar. Coube à mim fazer a homilia. A partir das leituras do dia, destaquei o sentido da Festa de Passos, sempre apresentando a motivação vocacional. Ainda mais que o Evangelho mostrava o desejo dos gregos em conhecerem Jesus.


Dali rumamos para Imaruí. Tomamos café na residência do casal Menga e Cida, pais do seminarista Thiago. A “Pequena Jóia do Sul” estava tomada de fiéis. A primeira Missa do dia, às 6:30h, presidida pelo nosso reitor Pe. Pedro, teve a participação de muita gente que quase não coube dentro do templo.


A segunda Missa foi presidida pelo Pe. Avelino e, a terceira, pelo Pe. Eloir (de Criciúma). Aquela foi animada pelo Irineu Calegari e sua equipe, de Gravatal; esta outra pela Grupo Tons de Deus, de Imbituba. Eu e os seminaristas visitamos o “camelódromo”, a praça da matriz e o espaço religioso da Festa.


Percebemos que uma multidão fazia fila para embarcar no Ferry-boat para contemplar a beleza da cidade por outro ângulo. Admiramos a bela cruz de madeira que foi levantada na praça, entre a Casa Paroquial e a igreja. Foi inaugurada ontem, benta pelo Pe. Sérgio Jeremias, nosso Administrador, como símbolo da preparação para Jornada Mundial da Juventude do próximo ano.


Visitamos a Sala dos Milagres, a Sala dos Bolos, a Sala das Opas do Senhor dos Passos. No caminho, encontramos muita gente conhecida e disposta a bater um bom papo. Gente simples!... gente boa!


O almoço foi lá com a família do seminarista. À tarde, os propedêutas foram dar mais uma volta na praça. Aliás, dado o intenso calor do dia, mesmo com o alentador vento nordeste, o povo se concentrava sob as árvores da praça. Alguns tomavam suas refeições ali mesmo; outros se esticavam para tirar aquela soneca.


Após a Missa dos Romeiros, presidida pelo Pe. Édison, e animada pelo Ministério da RCC da Passagem (Tubarão), teve início a procissão solene. A praça da matriz ficou tomada pelos fiéis. O pároco apresentou as personagens da Semana Santa que estavam representadas por penitentes do lugar. A Banda Unidos de Imaruí, cujos músicos estavam trajando uniformes brancos, colocou-se à postos, sob a regência do Maestro Gerson Corrêia, o Cascão.


A Denise, do Coral Raízes, interpretou o Cântico de Verônica. Grande cantora lírica, deixou todos emocionados com sua inquietante interrogação. O lenço que trazia nas mãos e revelava o rosto da imagem de Imaruí foi pintado pelo professor Rudney Marinho, escritor local e residente em Jaraguá do Sul.


Os organizadores decidiram fazer uma experiência, permitir que o trio-elétrico acompanhasse o cortejo. Não obstante os perigos desta empreitada, tudo correu bem; lamentável as constantes falhas de transmissão e corte no som. Mas ajudou bastante! Talvez dois pequenos carros de som, sintonizados na emissora de rádio, teriam dado um resultado melhor; pois, em alguns pontos da procissão, não se percebia o som do trio-elétrico.


A procissão parou nos Sete Passos (capelinhas) ao longo do trajeto. Ali se cantava o “Misereri” e se fazia orações e reflexões orientadas pelo pároco. As famílias que acolheram as Capelinhas estavam emocionadas. Conversei com D. Zoê, esposa do Seu Toninho. Ainda, sem me reconhecer, deixou-me fotografar seu altar: “Preparei tudo com tanto carinho. É uma graça de Deus que nós possamos participar assim da procissão!”. D. Zaira Alves, outra senhora que acolheu um Altar de Passos em sua residência, estava visivelmente emocionada. Acompanhada das filhas e amigos, quando terminou a oração defronte à sua residência, encostou-se no muro e ficou espreitando, orante, o povo que passava. Certa vez, bem me lembro, ela teceu um tapete (“trilho”) para acolher o Senhor dos Passos.


Muitos devotos estavam pagando promessas. Para aliviar o calor do sol, algumas famílias ofereceram água aos caminhantes. Foi o que vimos – e já se repete há muitos anos! – nas residências do casal de médicos Renato e Jaciara, bem como na casa ao lado da Capelinha de Passos.


Lá na praça, sob forte sol e debaixo do arvoredo, o povo ouviu o cântico da Verônica pela terceira vez (a segunda foi na Capelinha de Passos) e o Sermão do Encontro. Neste ano, foi convidado a falar o Pe. Mário José Reynoldi, pároco de Ingleses, na Ilha de Florianópolis.


O jovem sacerdote começou lendo sobre o sentido da Festa e, deixando de lado seus apontamentos, passou a discursar olhando para as imagens e para a multidão ali reunida. Disse: “Não se pode imaginar a força deste Amor. Somente com profunda mística se pode rezar. Só quem ama pode dar a vida”. O tema principal da sua reflexão foi “Faça de sua cruz uma vitória”. E terminou assim: “Que a Beata Albertina nos ensine a viver na pureza para seguirmos os Passos do Senhor Bom Jesus”! Enquanto discursava, as imagens foram se aproximando, causando grande emoção em todos. Pe. Mário foi aplaudido pelos ouvintes.


Além dos presentes em Imaruí, muitos ouviram o Sermão do Encontro pela Rádio Litoral e pela web-tv de Imbituba. Aliás, acho que pela primeira vez, a RBS-TV transmitiu a Missa das dez horas para toda a região e, à noite, reprisou momentos da Festa no “Programa Santa Catarina”.


Após a despedida do povo, sendo anunciada a próxima Festa em 17 de março de 2013, fiquei cumprimentando os amigos e conhecidos. Missão cumprida, a Paróquia de Imaruí, bem como todo o município, irão dormir em paz.


Retornamos para casa já bem tarde, depois de algumas visitas, felizes e renovados na fé. Concluímos nossa romaria! Obrigado, Bom Senhor! A bênção, Mãe querida!

PASTORAL VOCACIONAL DO VALE DO BRAÇO DO NORTE FAZEM REUNIÃO

24 de março de 2012. 14h. Nesta tarde aconteceu a reunião da PV das paróquias do Vale do Braço do Norte. Estavam presentes membros do Serviço de Animação Vocacional de Rio Bonito, São Ludgero, Grão Pará, Orleans e Braço do Norte. Apenas Rio Fortuna não compareceu.


Pe. Lenoir, o pároco local, veio cumprimentar a equipe. Também a Ir. Brígida, das Irmãs do Coração de Jesus (Serviam), veio participar de uma parte do encontro.


Vários temas foram encaminhados e o pessoal parece bem motivado em suas iniciativas de animação vocacional.


Ao final, após a bênção invocada pelo pároco, cantamos “Parabéns” à Nina, de Braço do Norte, que estava aniversariando. Muito gentil, ela ofereceu uma deliciosa torta e outros saborosos quitutes a todos.

REITOR E SEMINARISTAS DO SEFISC VISITAM NOSSO SEMINÁRIO

24 de março de 2012. 10:30h. Nesta manhã tivemos a alegria de receber as visitas do reitor do Seminário Filosófico de Santa Catarina, SEFISC, o Pe. Adenir Rochi.


Acompanhado dos seminaristas Ariél e Michel, ele foi recepcionado pelos padres e, em seguida, na capela, dirigiu algumas palavras aos seminaristas. Foram palavras de incentivo na caminhada vocacional.


Disse que espera todos, cada um na sua época, no Seminário Maior, pois a Igreja vê os seminaristas com muita esperança. Recordou que o SEFISC está comemorando 30 anos de existência e parabenizou a Diocese pela seriedade para com a formação dos futuros presbíteros. Elogiou muito nossa comunidade por encontrá-la em oração, na Via-sacra.

SEMINARISTAS FAZEM MANHÃ DE CULTIVO ESPIRITUAL



24 de março de 2012. 8:30h. Como havia sido previsto, nesta manhã da Quaresma, preparando-nos para a Festa de Passos e as demais datas solenes que se aproximam, organizamos uma manhã de cultivo espiritual. Eu coordenei a Leitura Orante da Bíblia, usando o texto da Solenidade de Ramos.


Os seminaristas fizeram a Via-sacra pelos jardins de nossa Casa. A manhã foi concluída com a Santa Missa, por mim presidida. Dia 29, à tarde, o Pe. André virá presidir uma tarde de espiritualidade.

terça-feira, 27 de março de 2012

SOB CHUVA ACONTECE A NOVENA DE PASSOS EM IMARUÍ

23 de março de 2012. 20h. Foi com muita alegria que recebi o convite para presidir a novena solene da Festa de Passos, antecedendo a Procissão do Silêncio. Toda a população da região estava feliz neste dia porque, depois de grande estiagem, voltava a chover.


Evidentemente que, para quem precisava deslocar-se de sua residência para ir à matriz de Imaruí, não era nada fácil. Chovia torrencialmente.


Alguns dos romeiros que caminham das localidades vizinhas até Imaruí foram surpreendidos pela enxurrada. Mas, mesmo assim, a igreja de São João Batista ficou repleta de devotos do Sr. dos Passos e da Senhora das Dores. Não fosse a tempestade, ficaria hiper-lotada. Iniciei a celebração na hora marcada, até porque a Rádio Litoral estava transmitindo o evento.


A animação foi da Associação Coral Senhor do Bom-fim, de Cangueri Quadro da Capela, do interior do município. À frente dos cantores, o maestro Toninho Costa. A novena foi cantada em Latim, como de costume.


Na pregação recordei os pontos principais da devoção aos santos e o lugar das imagens na nossa fé. Contei a história da chegada da veneranda imagem de Passos. Os seminaristas Lucas Bittencourt, José Luiz e Jonas me acompanharam e me auxiliaram na Adoração. Também o seminarista Thiago Francisco, filho de Imaruí, estava acolitando. As Irmandades de Passos e da Sra. das Dores deixaram os andores bem arrumados.


Toda a cidade já está respirando ares de Festa de Passos. Nas noites anteriores aconteceu uma série de eventos na igreja. O pároco nos acolheu e, terminada a celebração, nos ofereceu um lanche em sua residência. Mas, e a tal Procissão do Silêncio? Bem, visto que a chuva torrencial não deu trégua alguma, a Irmandade achou por bem aguardar o momento oportuno para não colocar em risco tão preciosa imagem. Isso o povo entende bem. Logo se iniciou mais um momento de orações e cânticos na matriz.


O povo aguardava pelo início da procissão. Especialmente os romeiros que vieram de outras cidade e até de outros Estados. O pároco pediu que eu ajudasse a preparar a comunidade para a Procissão. Aproveitei para ler o que eu mesmo escrevi no meu livro “Imaruí do Senhor dos Passos” sobre o sentido desta procissão que, visto que não temos outro conhecimento, só acontece nesta terra santa. Terminei convidando a comunidade a cantar “Ó meu Jesus Amado”.


A assembleia transformou-se num grande e maravilhoso coral para homenagear o Senhor Bom Jesus. Tivemos que retornar para Tubarão. Já era quase 24h. No caminho percebemos que a chuva aliviara, mas, infelizmente, acabamos nos envolvendo num acidente automobilístico nas proximidades da capela de São Sebastião, na Estiva dos Pregos (Capivari de Baixo). Apenas danos materiais.


Depois viemos a saber que, exatamente naquela hora, os Irmãos de Passos decidiram transladar a imagem, aproveitando o tempo favorável. Passada a tempestade, perceberam até estrelas brilhantes no céu. Algumas poucas pessoas ainda estavam na matriz para acompanharem a preciosa imagem à sua Capela de Passos, no outro lado da cidade, na margem da lagoa. E lá ela ficou sob os cuidados dos Guardiões e sendo venerada pelos devotos. Somente ao anoitecer daquele dia é que ela seria transladada de volta para a matriz, numa solene e concorrida procissão.

RIO D’OESTE – ENCONTRO REGIONAL DA PASTORAL VOCACIONAL


21-22 de março de 2012. 12h. O Serviço de Animação Vocacional em Santa Catarina é muito vivo e diversificado. Cada uma das dez Dioceses do Regional (Estado) tem iniciativas muito bonitas da Pastoral Vocacional.


Apenas Florianópolis não pôde participar do encontro em Rio D’Oeste, no Centro de Formação D. José Balestiere. Estavam presentes, portanto, representantes de Rio do Sul, Chapecó, Lages, Caçador, Joaçaba, Joinville, Blumenau, Criciúma e, evidentemente, Tubarão.


Eu fui com o José Luiz e a Léia, casal coordenador da PV de Criciúma. Encontramo-nos em Lauro Muller. A Ir. Irmgart (Ingrid), da Divina Providência, daqui de Tubarão, acompanhou-nos. Após uma viagem de seis horas e meia chegamos ao nosso destino.


Simpática cidade esta Rio D’Oeste, com uma igreja e um Centro de Formação maravilhosos! Pe. Marcelo Martendal, nosso Coordenador Estadual, nos acolheu fraternalmente, bem como os demais companheiros que já estavam sorvendo o precioso mate.


Após o almoço, demos início aos trabalhos. Revimos as reflexões e decisões do último Encontro, em Lages, no ano passado. Lamentamos que o assessor de então, o Pe. Reginaldo, com apenas 40 anos de idade, veio a falecer no final de 2011. Refletimos sobre a caminhada da animação vocacional no país, e no Estado. A partilha foi muito enriquecedora.


D. Irineu Andreaza, Bispo de Lages e nosso Bispo Referencial, presidiu a Missa no final do dia. À noite, fizemos um momento de confraternização. No dia seguinte eu presidi a Missa com os participantes. O Encontro terminou com o almoço. Chegamos à Tubarão pelas 19:30h. Ainda tiramos um tempinho para visitar o Pe. Valmor Della Giustina, lá em Lauro Muller, e experimentamos o seu “leite de alpiste”!

XVI SEMANA DE EVANGELIZAÇÃO – SERTÃO DOS CORREIAS


20 de março de 2012. 19:30h. Já está virando uma linda tradição na comunidade de Sertão dos Correias a Semana de Evangelização. Esta iniciativa do seu Valmor e encampada pelo Walter está tendo, agora, a sua décima quarta edição.


Padres, leigos pregadores e ministérios de música estão envolvidos em oportunizar à comunidade momentos fortes de evangelização.


A pioneira iniciativa em nossa cidade (quiçá, diocese) precisa ser mais bem conhecida. Todas as noites da Semana a bonita capela da comunidade fica lotada de fiéis para os encontros. Há algumas Missas previstas, mas também bênçãos de objetos, venda de artigos religiosos, campanha de alimentos, oportunidade de confissão individual e orientação espiritual.


Coube à mim dirigir a reflexão neste dia 20, terça-feira, à noite. Levei comigo um grupo de seminaristas, para animarem ainda mais o sentido vocacional de minha presença. A animação foi por conta do Ministério “Amigos Pela Fé”, com o Everton “Véve” Adriano de Souza Costa, a Luciana Paz Cidade Bortolatto, o Marcelo Alves Demétrio e o Bruno. E fizeram muito bem o seu papel.


A comunidade participou com sua concentração e animação. Durante a reflexão os seminaristas sentaram-se nos degraus da escadaria que dá acesso ao altar e, ali no chão, fizemos um momento de partilha vocacional. Os depoimentos vocacionais do Jean e do Daniel Willemann enriqueceram a reflexão.


Antes de terminar, fizemos um bonito momento de Adoração ao Santíssimo Sacramento. Alguns clipes musicais projetados no telão também foram valiosos.


Após a bênção, pude conversar com as pessoas, especialmente com o pessoal da animação. Descobri que o Marcelo e a Luciane são compositores e os incentivei para continuarem a compor, vislumbrando um possível CD do ministério, para a glória de Deus!

sexta-feira, 23 de março de 2012

ENCONTRO DIOCESANO DA CAMPANHA DA MÃE PEREGRINA


18 de março de 2012. 8:30h. A igreja matriz de Jaguaruna estava tomada de missionários e devotos da Mãe Peregrina. O Encontro Diocesano dos Missionários da Campanha da Mãe Peregrina teve início pela manhã, às 8:30h.


Os participantes foram recepcionados com o café da manhã e levados para a matriz ao som da Banda Municipal Amos à Pátria, numa emocionante procissão.


Além da Ir. Helena, Secretária Regional da Obra de Shöenstatt, usaram da palavra os padres Avelino e Pedro de Oliveira e o seminarista Marcelo Buss.


A presença do SAV de Jaguaruna foi marcante: na acolhida, na oração inicial e ao longo de todo o dia.


Eu cheguei à tarde, após o Rosário de Flores, para presidir a Santa Missa. O Pe. Nilo Buss, Administrador Paroquial, concelebrou comigo. Fiquei muito impressionado com a organização e com a animação dos participantes. Além de estarem em grande número, estavam muito atenciosos.


O Ministério de Música São Paulo Apóstolo, de Paulo Cruz, Jaguaruna, animou maravilhosamente o encontro e a celebração. Os seminaristas Fernando e Jonas me acompanharam na celebração e participaram da celebração, na qual os apresentei à comunidade.

VILA SANTO ANTÔNIO – MISSA VOCACIONAL E RENOVAÇÃO DA ALIANÇA



18 de março de 2012. 10h. Novamente tive a oportunidade rezar com a comunidade de Vila Santo Antônio. Há alguns anos atrás um jovem desta comunidade foi nosso companheiro de seminário.


Hoje, à pedido do Pe. Eduardo, celebramos a Missa do Dízimo e da Renovação da Aliança com a Mãe Rainha. Um grupo de cantores coordenado pela Zezéca, conhecido músico local, animou a celebração. Foi muito bom rezar com estas pessoas cheias de fé e testemunho cristão.


Os seminaristas me acompanharam e também usaram a palavra ao final da celebração. O intuito é sempre cultivar o espírito vocacional nas comunidades, pedir orações e despertar novas vocações para a vida de especial consagração. Evidentemente que estas presenças nas comunidades das várias paróquias ajudam em muito no discernimento vocacional de nossos jovens seminaristas.

MISSA VOCACIONAL NA MATRIZ DE IMBITUBA



18 de março de 2012. 8h. Coube ao Movimento de Irmãos da matriz animar esta Missa dominical. A igreja ficou tomada de fiéis, que participaram devotamente da celebração.


Durante a celebração cantei “Jesus, Sol eterno” e acho que veio concluir bem a reflexão que eu havia feito. A celebração foi transmitida pela Rádio Bandeirantes-AM local e, experimentalmente, pela rede mundial de computadores.


As Irmãs Beneditinas da Divina Providência, do Hospital São Camilo, estavam presentes e lhes fiz uma saudação especial. Ao final, os seminaristas Lucas e José Luiz deixaram suas mensagens vocacionais à comunidade.

GUAIÚBA – MISSA VOCACIONAL NA FESTA DE SÃO JOSÉ


17 de março de 2012. 19:30h. A comunidade de Guaiúba está festejando seu padroeiro São José. Por isso, nesta noite de sábado, eu fui convidado a presidir a celebração da juventude.


A capela estava repleta de pessoas. Muitos jovens estavam presentes; e também pessoas vindas de outras comunidades.


A animação foi do Ministério de Boa Vista que, aliás, ajudou em muito para que a celebração ficasse bem participada. Parabéns aos jovens cantores e instrumentistas, especialmente à Léia e aos seus filhos violeiros Leonardo e Rafael!


Os seminaristas propedêutas me acompanharam e me ajudaram na liturgia. Eles dirigiram palavras à comunidade, refletindo sobre Vocação e sobre Maria. E receberam muitos elogios pelas belas mensagens que transmitiram.

MISSA VOCACIONAL EM MORRO DO MIRIM – IMBITUBA

17 de março de 2012. 18h. Novamente eu e os seminaristas propedêutas fomos à comunidade do Mirim.

Rezamos com a comunidade na bonita capela que, graças ao esforço de todos, foi inaugurada em 2009.

A celebração transcorreu normalmente, sendo animada pelo coral da comunidade.

Os seminaristas deixaram seu recado vocacional, causando muita alegria nos fiéis.

COMARCA DE LAGUNA REALIZA REUNIÃO DA PV-SAV



17 de março de 2012. 15h. Nesta bela tarde de sábado, na cidade balneária de Imbituba, no norte da Diocese, aconteceu a reunião da PV da Comarca de Laguna. Vieram representantes de Nova Brasília, Laguna e Magalhães, além dos animadores de coroinhas de Imbituba. Sentimos as ausências dos representantes de Cabeçuda e Imaruí.


O Pe. Eduardo, pároco local, dirigiu palavras de acolhida e incentivo. O Diácono Virgílio, residente na paróquia, estava presente. Os seminaristas Ronério e Eliano, da Teologia, que fazem trabalhos pastorais na região, deixaram sua contribuição. Acompanharam-me os seminaristas propedêutas.


Refletimos sobre o objetivo da animação vocacional e da importância do trabalho com coroinhas. Falamos das atividades do SAV na diocese: Romaria Vocacional, reuniões de articulação, Dia Mundial de Oração pelas Vocações, Estágios, Encontrões Vocacionais, Mês de Agosto... e encaminhamos o Encontro Comarcal de Coroinhas que acontecerá, neste ano, em agosto, em Imbituba.

LANÇAMENTO DO CATECISMO DA CATEQUESE INTERMEDIÁRIA



17 de março de 2012. 8:30h. A Diocese de Tubarão, no tempo de D. Jacinto Bergmann, decidiu alterar a idade para os níveis de Catequese e criou uma nova etapa de formação: a Catequese Intermediária. Ela congrega catequizandos que fizeram a Eucaristia, mas que ainda não tem idade para ingressar na Catequese de Perseverança e, posteriormente, na do Crisma.


As paróquias se ressentiam de saber o que fazer com esta galerinha; e contavam com a criatividade dos catequistas. Outras pastorais, como o Movimento de Irmãos, deram um grande auxílio neste trabalho.


Nós da Animação Vocacional estivemos promovendo encontros vocacionais com este pessoal em quase todas as paróquias. Agora, a Coordenação Diocesana de Catequese conseguiu elaborar um Catecismo para a Intermediária, que poderá ser usado em toda a Diocese, uniformizando os conteúdos e direcionando algumas atividades comuns.


Os Encontros são previstos para acontecerem um por mês. Parabéns à D. Maristela, coordenadora Diocesana de Catequese e ao Pe. Edinei Ouriques, seu Assessor. Este fato interessa para o Serviço de Animação Vocacional, pois estes adolescentes estão entre os que mais conseguimos atingir com nosso trabalho.

APAIXONADOS PELA MISSÃO PROMOVEM ENCONTRO DE PARTILHA



17 de março de 2012. 8:30h. Há muito que a Diocese se ressentia de não possuir uma articulação melhor das iniciativas missionárias. Há uns oito anos que não existe mais COMIDI (Conselho Diocesano Missionário), do qual eu fui o último coordenador. D. Jacinto e D. Wilson já haviam solicitado que eu tomasse alguma iniciativa para retomar o trabalho, mas não descobrimos uma forma de fazê-lo. D. Jacinto tomou a iniciativa para si, mas não deu em nada. D. Wilson ficou tão pouco tempo que não houve possibilidade de reorganizar o COMIDI. Mas sempre disse que gostaria de enviar padres para outras realidades missionárias.


A Ir. Elisângela, do Setor Jovem da Diocese, pensou em reunir algumas pessoas, mas, de fato, tal encontro não aconteceu. Em conversa com ela e com o Sub-secretário Regional de Pastoral, que chamou a atenção da nossa Diocese para o fato, decidi marcar uma data para efetivar aquela reunião. A Ir. Elisângela me ajudou e fizemos convites às pessoas interessadas.


Dez pessoas compareceram, outras justificaram suas ausências, mas demonstraram desejo de participar. A reunião aconteceu no CEAC – Catedral, das 8:30h às 10:30h. A Ir. Lily partilhou suas experiências missionárias, especialmente na Bolívia. A Ir. Rose Cardoso destacou sua missão em nossa Diocese, em Porto Alegre, na Bolívia e na Alemanha, com imigrantes portugueses.


O seminarista Rafael Uliano partilhou sua recente experiência na Amazônia. Os “leigos” Fátima, Rafael Medeiros, Solange e Rejane partilharam suas atividades pastorais.


Fez-se a memória de muitas atividades animadas pelo COMIDI em anos passados, como os Congressos Missionários dentro e fora da Diocese, até em outros países da América Latina; das missões nas paróquias e em Mato Grosso (Rondonópolis); das Equipes Missionárias Leigas (com os sem-terra e na Bolívia); o Projeto Igrejas-Irmãs com a Bahia, Mato Grosso, com a Guiné-Bissau... Muita saudade!... e muita coisa boa pra recordar!


A conversa foi tão rica que decidimos promover um outro encontro a fim de pensarmos no presente-futuro de nossa Diocese. Será no dia 12 de maio, às 8:30h, no CEAC-Catedral. Para participar, entre em contato conosco!

COMUNIDADE REVIVE EXPERIÊNCIA DOS PRIMEIROS CRISTÃOS

16 de março de 2012. 20h. A comunidade de Morro do Mirim, em Imbituba, às margens da BR 101, prepara-se para a festa de seus padroeiros: Nossa Senhora do Carmo e São Pedro. Os festeiros estão inovando na forma de festejar: eles promovem novenas nas casas das famílias do bairro.


Neste dia 16, sexta-feira, eu e os seminaristas propedêutas fomos à residência do jovem casal Guilherme e Thaís. Lá eu presidi a Santa Missa. A animação ficou por conta do Grupo Vida Nova, da Vila Nova Alvorada. Aliás, o grupo polifônico encantou a todos! Na ocasião os seminaristas usaram da palavra para fazerem um apelo vocacional.


Após a celebração, permanecemos com a comunidade para um belo momento de convivência. Todos estavam muito alegres, conversando animadamente, jogando binguinho e se deliciando com os quitutes oferecidos; especialmente um tal peixe no palito!


Esta experiência de confraternização em família recordou-nos a vida dos primeiros cristãos. Nossa Igreja nasceu nas casas e, com o advento dos novos tempos, perdeu um pouco este contato direto com as pessoas. Numa comunidade menor, é muito mais fácil de se conhecer as pessoas e conversar com elas.

SEMINARISTAS VISITAM O PE. ANDRÉ



15 de março de 2012. 17h. O Pe. Auricélio convidou os seminaristas Jean, Gabriel e Daniel para o acompanharem numa celebração em certa comunidade de Nova Brasília. Chegando naquela matriz, fomos recebidos pelo Pe. André e pelo seminarista Thiago Francisco. E ficamos sabendo que houve um equívoco no agendamento desta celebração.


Então, aproveitamos o tempo para conversar com nosso Diretor Espiritual que está convalescendo de um problema de saúde e aguarda cirurgia. Ele nos ofereceu um delicioso café, que aceitamos alegremente. Percebemos que ele está bem tranquilo e contente por já poder realizar algumas funções pastorais. Inclusive, definiu que virá visitar o nosso seminário no próximo dia 29 para fazer a nossa preparação pascal.


Dali fomos à Imaruí. Fizemos uma breve parada na Gruta da Mãe Rainha, onde renovamos nossa consagração à Deus. Ao longo do caminho, especialmente por Taquaraçutuba, Prainha e Praia da Rosa, fizemos algumas paradas para apreciar o pôr-do-sol e fazer fotos. Do alto do Morro do Hospital pudemos ter uma visão panorâmica da simpática cidade.


Visitamos a igreja matriz, que está se preparando para a tradicional Festa de Passos na semana vindoura. Na praça da matriz, ainda encontram-se deitadas no chão, duas grandes hastes de eucalipto que comporão uma grande cruz, a ser inaugurada no próximo domingo. Após uma visita à mãe do seminarista Thiago, retornamos para nosso Seminário.

PROPEDÊUTAS CELEBRAM DIA DE ESPIRITUALIDADE


12-15 de março de 2012. Para preparar e solenizar o início do uso do livro Liturgia das Horas pelos propedêutas, foi promovido um dia de oração.


Coube a mim a tarefa de dirigir os estudos e orações. Aliás, gosto muito de estar com eles e oportunizar-lhes um tempo assim especial para convivência e formação.


O encontro aconteceu na agradável casa de praia da família do Pe. Pedro, em Balneário Arroio Corrente, na Jaguaruna. Saímos do Seminário na noite de terça-feira, 15, após as aulas da ESTEL.


Levei-os à praia para respirarmos o ar fresco. Alguns se aventuraram a molhar os pés no gelado mar; depois seguimos para a residência.


No dia seguinte, após o café, fizemos um momento de leitura orante do Evangelho do 4º domingo da Quaresma e estudamos os textos do Pe. Valeriano Costa sobre Liturgia das Horas.


A experiência de estudar e rezar foi muito interessante; e os rapazes levaram à sério. E percebemos o riquíssimo valor da Liturgia das Horas para santificar as horas de todo o dia. Os trabalhos domésticos foram divididos entre todos. Tiramos uma horinha para visitar a Léia, na Jaguaruna.


O encontro terminou às 11h do dia 15, quinta-feira, com o seguido retorno para o Seminário. Aqui, o Pe. Pedro e os companheiros nos esperavam e nos acolheram afetuosamente.

PRESBÍTEROS DO REGIONAL CELEBRAM NA CEDA



12 de março de 2012. 19:30h. Doze sacerdotes, representando a Pastoral Presbiteral nas dez dioceses de Santa Catarina, passaram dois dias de Encontro na nossa CEDA – Casa de Encontros Dom Anselmo, em Tubarão. Pe. Rafael e Pe. Nivaldo, de nossa Diocese, os acolheram. Neste dia 12, segunda, eles participaram da Missa Vocacional na capela da CEDA, com a participação dos seminaristas e da comunidade em geral. Pe. Amarildo, de Caçador, foi quem presidiu a celebração.


Os seminaristas cuidaram da liturgia e animação. Eu também concelebrei. O Pe. Pedro, nosso reitor, passou o dia em Brusque, junto com nossos irmãos seminaristas de Filosofia. Durante a celebração os padres se apresentaram. Logo nos demos conta da diversidade de nosso presbitério, provenientes de várias culturas, comprovados pelos sobrenomes “um pouco estranhos”.


Pe. Daniel Pagani, vigário paroquial de Sombrio, na Diocese de Criciúma, e ex-seminarista de nosso Seminário, na homilia, usou da palavra para animar os seminaristas em sua caminhada. Contou sobre o seu itinerário vocacional, das dificuldades encontradas, das alegrias vividas e da força que o impulsionava: desejo de servir a Deus como sacerdote.


Após a Santa Missa, as pessoas puderam cumprimentar os sacerdotes e partilhar os pãezinhos bentos. O Encontro da Pastoral Presbiteral só terminou no dia seguinte, quando os encontristas foram visitar o castelo do Pe. Nivaldo, em Treze de Maio.

sexta-feira, 16 de março de 2012

MISSA CAMPAL EM COMUNIDADE DE TUBARÃO

10 de março de 2012. 19:30h. A comunidade dos Santos Anjos, na Guarda (Margem Esquerda), em Tubarão, já há alguns anos vem promovendo uma Missa-novena na residência de alguma família.


Neste ano, a Missa ocorreu na casa do casal Vicente e Laila, nas margens da estrada geral. Foram montadas uma tenda e barraquinhas pelo terreno. Nelas foi oferecida brincadeira do porquinho da Índia, binguinhos, guloseimas, bebidas, churrasquinhos...


A Missa foi animada pelo Movimento de Irmãos de Monte Castelo (Tubarão) e presidida por mim. Os seminaristas propedêutas deixaram uma mensagem vocacional aos presentes. Terminada a celebração, retornamos para o Seminário.

MOVIMENTO DE IRMÃOS PROMOVE DIA DE MUTIRÃO


10 de março do 2012. O dia amanheceu ensolarado. Pelas 8:30h começaram a chegar os membros do Movimento de Irmãos da catedral para mais um dia de mutirão em nosso Seminário.

Conforme o planejado, várias frentes de trabalhos foram organizadas e, com a ajuda dos seminaristas e padres, os Irmãos foram realizando as reformas: banheiros, portas, pintura da capelinha interna, conserto do telhado na capela da CEDA, reforma no presbitério da Capela da comunidade, troca de lâmpadas, melhorias no piso e revestimentos cerâmicos em vários pontos do prédio, remoção de reboco velho e úmido, preparação dos alimentos, melhorias na quadra de esportes, troca de capaz das almofadas, troca de tacos em alguns ambientes, soldagem de objetos de ferro danificados... Tudo foi feito com muita alegria e dedicação.

À frente de tudo esteve o Pe. Pedro, nosso Reitor. O trabalho não resolveu todas as necessidades do Seminário, mas ajudou muito a melhorar a qualidade de vida de nossa comunidade. O Movimento não irá parar com esta iniciativa.

A Coordenação da Área está ultimando projeto de “adoção do Seminário” a ser levado aos demais grupos do Movimento em todas as paróquias. Para este fim foi feito um registro fotográfico mostrando a realidade de nosso Seminário.

Gestos concretos como estes nos enchem de entusiasmo e alegria, pois brotam de corações (de pessoas) realmente comprometidos com o Reino de Deus. E, por isso, querem ajudar a formar os futuros presbíteros da Igreja. Obrigado! E parabéns!

domingo, 11 de março de 2012

PROPEDÊUTAS PARTICIPAM DE REUNIÃO NA PASSAGEM

09 de março de 2012. 19:30h. Nesta noite o Conselho de Pastoral da Comarca de Tubarão esteve reunido no Salão de Festas da matriz Santa Terezinha da Passagem.


Todos foram bem recepcionados pelo Pe. Edison, o pároco, e as lideranças locais. Os seminaristas propedêutas me acompanharam. Como professor de Introdução à Pastoral deles, queria que tivesse esta experiência pastoral. Este foi o intuito: observar uma reunião de pastoral.


Ao final, foram saudados pelo Pe. Itamar, coordenador da Comarca. A Pastoral da Saúde de Capivari, após a reunião, ofereceu a todos um delicioso lanche com alimentos naturais. Não obstante a avalanche de assuntos tratados no encontro, os seminaristas avaliaram a experiência como muito positiva.

ENCONTRO DE CRISMANDOS EM IMBITUBA

04 de março de 2012. 14h. O Pe. Eduardo, pároco de Imbituba, solicitou minha ajuda para oferecermos o Sacramento da Penitência a pouco mais de cem jovens.


Não obstante a ensolarada e encalorada tarde que fazia neste domingo, 4, os jovens compareceram ao encontro. Enquanto os seminaristas André Shüroff e Eliano preparavam os jovens para a Confissão, eu e o pároco atendíamos os penitentes. Foram 4 horas de confissões!


Ser um instrumento da misericórdia de Deus é uma graça especial que Deus conferiu a nós sacerdotes. É muito bom perdoar, ser perdoado e poder garantir, em nome de Deus, que o perdão divino foi concedido aos que desejam mudar de vida.


Parabéns aos catequistas de Imbituba, ao seu pároco e aos crismandos! Que o Espírito Santo os ajude a serem testemunhas do Senhor Jesus!

HUMAITÁ – ENCONTRO DA EQUIPE VOCACIONAL


03 de março de 2012. 19:30h. Durante muitos anos a Paróquia de Humaitá, em Tubarão, teve uma Pastoral Vocacional muito atuante.


A última coordenadora foi a Izabel, que é uma leiga consagrada. Devido a compromissos familiares e problemas de saúde ela precisou afastar-se e não houve continuidade dos trabalhos.

Passados alguns anos, nesta noite, pessoas interessadas pela animação vocacional se reuniram para reiniciar os trabalhos na paróquia.

Eu e os seminaristas Lucas, Fernando e Jonas participamos da reunião. Já há um bom trabalho com os coroinhas e acólitos que foi retomado no ano passado com o casal Salmo e Gladys Helena. Fazemos votos de que o SAV retorne forte e dinâmico naquela paróquia.

VARGEM DO CEDRO - ANIMAÇÃO VOCACIONAL

03 de março de 2012. 14:30h. Vargem do Cedro foi a sede da reunião do SAV das paróquias de São Martinho, Armazém e Vargem do Cedro.


Pe. Sérgio, o pároco local e Administrador Diocesano, deixou uma mensagem de acolhida a todos, partilhando sua participação em alguns eventos recentes.


Num deles, com postuladores de Causas de Santos brasileiros, percebeu que na raiz de cada testemunho cristão está a resposta positiva e fiel ao chamado vocacional. casados, solteiros ou consagrados, todos são chamados à santidade... e não importa profissão ou idade.


Eu coordenei a reunião. Os seminaristas Jonas e José Luiz participaram do encontro. Após a reunião, fomos até a Flus Haus fazer um reconhecimento do lugar. Tudo muito lindo!

ANIMAÇÃO VOCACIONAL NA COMARCA DE TUBARÃO

03 de março de 2012. 8:30h. A Pastoral Vocacional da Comarca de Tubarão teve a sua primeira reunião do ano nesta manhã.


Aconteceu no CEAC, Catedral. D. Izilda, coordenadora comarcal e nossa benfeitora, coordenou a reunião, assessorada por mim.


Os seminaristas Fernando e Lucas estiveram presentes, inteirando-se das atividades do SAV. Suas presenças muito alegraram os animadores vocacionais.

D. TEREZINHA PRETA – UMA LUZ DE DEUS EM IMARUÍ


02 de março de 2012. 16h. Há muito que D. Terezinha vinha sofrendo por conta de suas muitas enfermidades. Todavia, apesar dos sofrimentos, ela estava sempre animada e preocupada com o bem da família e da Igreja.


Neste dia dois de março ela partiu para a Casa do Pai. Não foi surpresa, mas ela ainda era relativamente jovem (72 anos) e esbanjava vivacidade e lucidez.


Alguns dias antes do seu passamento, nós dois conversamos bastante em sua residência, em Imaruí. Na ocasião senti que não a veria mais e, por isso, fiz algumas fotos dela.


Para mim e para todos os que participaram da história de D. Terezinha, ela representava uma bênção de Deus. O que mais se ouviu na Missa de Exéquias, dia 3, às 16h, foi que “ela era uma mãe de todos; sua casa acolhia a todos”! De modo que toda a multidão que acorreu aos funerais, cada um, por sua vez, poderia dizer “ela, em determinado momento da minha vida, me ajudou”.


Movida por uma fé autêntica e comprometida, próprio das pessoas santas, ela iluminava sua vida e toda a comunidade. Especialmente com sua fé no Sagrado Coração de Jesus, no Senhor dos Passos e na Mãe Rainha. Sua fé na Eucaristia era fundamental na sua vida cristã, tanto que tinha uma capelinha particular em sua casa.


Leia este texto na íntegra, neste Blog, na página ARTIGOS.

2012 – TEMPO DE ENGENDRAR VIDA NOVA



No dicionário o verbete “engendrar” é sinônimo de gerar, causar, produzir, conceber, dar à luz, parir... Este termo me veio muito forte na leitura de um livro do Pe. José Luís Martinez (“Sexualidade e crescimento...”, Paulus), ao falar sobre a total entrega ao Reino de Deus através do celibato.


O autor reflete que o que dá sentido ao nosso radical seguimento de Jesus é que nos tornamos capazes de “engendrar vida nova e vida em abundância”.


E explica: “engendrar vida em si mesmo/a, na comunidade e nas pessoas com as quais e para as quais (se) trabalha”.






Leia o texto na íntegra, neste Blog, página ARTIGOS.





MARÇO - RECADINHOS VOCACIONAIS


O 1º ENCONTRÃO VOCACIONAL para garotos (do 5º ou 8º anos) acontecerá no dia 31 de março, no Seminário de Tubarão, das 8:30h às 16h. Informações: (48)3628.0072.

AGENDA VOCACIONAL (março)


* Dia 03: reunião da PV da comarca de Tubarão, CEAC, às 8:30h. E, às 14:30h, em Vargem do Cedro, com animadores também de Armazém e São Martinho.

* Dia 10: reunião da PV da comarca em Jaguaruna, às 14:30h.

* Dia 16: Missa Vocacional em Morro do Mirim, Imbituba, às 20h.

* Dia 17: reunião da PV da comarca em Imbituba, às 15h. E Missa Vocacional às 20h, em Guaiúba.

* Dia 18: Jubileu áureo-sacerdotal do Pe. Cornélio, Animador Vocacional dos Josefinos, Orleans.

* Dias 21 e 22: Encontro Regional do SAV, em Rio D’Oeste. * Dia 24: reunião da PV comarcal em Braço do Norte, às 14h.