sexta-feira, 29 de julho de 2011

ORAÇÃO VOCACIONAL – 16º ANIVERSÁRIO DE ORDENAÇÃO PRESBITERAL


Senhor Jesus,
Tu nos deste um coração de carne,
um coração pequeno, um coração tão frágil.
Viemos a teus pés, como discípulos missionários,
para adorar o teu Sagrado Coração.
E também para pedir-Te
um coração capaz de acolher a todos, sem discriminação.
Dá-nos um coração capaz de perdoar
e ainda amar quem nos ofendeu.
Um coração capaz de ver sempre mais longe,
no horizonte, cheios de esperança.
Dá-nos um coração capaz de se compadecer,
de se doar, de não se perder nas aparências.
Sim, Senhor Jesus, Tu nos chamas incessantemente.
Tu desejas a nossa colaboração na construção do teu Reino.
Ajuda-nos a acolher tal vocação
e a darmos uma resposta generosa.
Que o nosso coração, cada vez mais semelhante ao teu,
diga sempre SIM ao chamado que nos fazes.
Amém!

16º ANIVERSÁRIO DA ORDENAÇÃO PRESBITERAL - RECORDAÇÕES

Neste dia 29 de julho de 2011 estarei celebrando os 16 anos de ministério presbiteral. Fui ordenado Diácono por D. Hilário Moser, então Bispo de Tubarão, no dia 11 de dezembro de 1994. na mesma cerimônia ocorrida na Catedral, em Tubarão, foi ordenado meu companheiro de jornada, o Pe. Eduardo José Bittencourt. Nós estávamos retornando de nossa missão em Guiné-Bissau (África Ocidental) havia dois meses.

Eu fui designado para auxiliar o Pe. Paulo Rodrigues em Imaruí.

Fui ordenado presbítero pelo mesmo Bispo no dia 29 de julho de 1995, na catedral. a festa foi acompanhada de uma grande preparação vocacional coordenada pelo Pe. Pedro De Biasi, então pároco da Catedral, e seu vigário, o Pe. Raimundo Ghizoni.

Muitas pessoas foram envolvidas nesta festa: as celebrações vocacionais em cada comunidade, entrevistas nos meios de comunicação, encontros com pastorais...

A comunidade da Passagem (hoje matriz Santa Terezinha do Menino Jesus), onde nasci e me criei e descobri minha vocação, esmerou-se na preparação.

À frente, além de meus pais, estava o Paulo Perito, que coordenava a CAEP. Todas as lideranças se envolveram e movimentaram toda a comunidade especialmente na semana da Ordenação.

Houve um tríduo com Missas na comunidade. Na véspera da Ordenação, após a Missa, aconteceu um jantar para mais de mil pessoas no Salão Paroquial e nos barracos que foram montados. Houve até um show da minha banda Censura Livre!

No dia seguinte eu retirei-me ao Seminário Nossa Senhora de Fátima (que estava vazio por causa das férias escolares) para rezar e concentrar-me. Às 15h foi a cerimônia de Ordenação. Preciso dizer que linda e maravilhosa? Eis o tema que escolhi para o meu ministério: “O Senhor é meu Pastor. Nada me faltará” (Sl 22/23). A Paróquia ofereceu um belo coquetel aos convidados.

No dia seguinte, 30, presidi a minha primeira Missa na Passagem. Uns dez padres vieram rezar comigo. No restaurante Moinho (da Zéza) foi servido o almoço para 400 pessoas.

A festa não acabou: à tarde, no Salão Paroquial, os jovens prepararam uma Tarde Festiva para a criançada. Centenas de pessoas estiveram presentes, cantaram Parabéns à Você e eu cortei uma torta gigante, decorada com os símbolos de minha Ordenação: caminho, pegadas, chinelos, violão e Bíblia.

Como sou imensamente grato a toda a Igreja, cada ano, por ocasião do aniversário presbiteral, elaboro uma Oração Vocacional e escolho um lema para minha reflexão. Na próxima página apresento a Oração Vocacional. O lema é: “Tende os mesmos sentimentos de Jesus” (Fil 2,5).

TARDE DE ESPIRITUALIDADE COM VOLUNTÁRIOS DO HOSPITAL

28 de julho de 2011. À convite do Pe. Ademir Borges, Capelão do Hospital Nossa Senhora da Conceição, participei da Tarde de Espiritualidade dos Voluntários do referido Hospital.


O evento ocorreu na capela da CEDA, em Tubarão. Compareceram trinta pessoas, coordenadas pela Assistente Social Liliana.


São pessoas que tem muitas histórias bonitas para contar. Trabalham voluntariamente porque possuem muito amor e se sentem muito amadas por Deus.


Formam um verdadeiro “pelotão do Amor e da solidariedade”! Trabalhamos o texto bíblico de Mt 5, 1-9 “Cura em Betesda”, onde Jesus revela o seu amor pelos enfermos.


Diante do Santíssimo Sacramento renovamos nosso compromisso com Jesus Cristo. Após, as lideranças ofereceram um lanche a todos.

REUNIÕES DE COMARCA – DAR VIDA AO PLANO PASTORAL

26 a 29 de julho de 2011. Nesta semana estão acontecendo reuniões nas quatro comarcas de nossa Diocese: Jaguaruna, Laguna, Braço do Norte e Tubarão.


Em Jaguaruna, ao abrir os trabalhos da reunião, D. Wilson assim se pronunciou: “Bem-vindos! Daqui desta reunião comarcal os nossos assuntos irão para as comunidades. Não podemos falhar, portanto, para não quebrar nenhum dente desta engrenagem.


Nosso Plano de Pastoral foi aprovado. Obrigado pelo empenho de todas as comunidades. Agora teremos a Assembleia e deveremos tomar decisões muito importantes.”


A tônica é a mesma em todas as reuniões. Queremos que o Plano de Pastoral não fique apenas no papel. Todas as lideranças desejam conhecer melhor o Plano e acolher iniciativas para colocá-lo em prática.

MISSA-NOVENA DO DIVINO E SANT’ANA EM VILA NOVA



27 de julho de 2011. 19:30h. Novamente, tive a alegria de participar da preparação da tradicional Festa do Divino Espírito Santo e Sant’Ana na comunidade de Vila Nova, no município de Imbituba.


A Santa Missa foi animada pelos jovens da comunidade, que constituíram um Ministério de Música muito bonito. À frente deste Ministério está o Yuri, que é tecladista do Tons de Deus.


Havia muitos jovens na celebração; por isso, ao final, eu os chamei para junto do altar. Também destaquei a presença dos membros da Irmandade de Sant’Ana, que se identificavam pela fita cor de rosa, com letras em amarelo.


Elas trouxeram sua bandeira-estandarte até o altar. Toda a celebração foi muito bonita e a assembleia se manteve sempre concentrada.


Rezamos pelas vocações e lancei meu apelo para despertar mais vocações.


Durante a Missa eu cantei duas canções: “Sorrir pra vida” e “Amar, primeira vocação”. Os festeiros presentearam-me com um caneco comemorativo.

MISSA VOCACIONAL NO SANTUÁRIO DE ALBERTINA


24 de julho de 2011. 10h. O Santuário da Bem-aventurada Albertina Berkenbrock ficou tomado de devotos nesta manhã de domingo. O belo dia facilitou a que os romeiros viessem de várias partes de nosso estado.


À convite do Pe. Sérgio, o Reitor, eu presidi a Santa Missa. Convidei o seminarista Ronério para acompanhar-me.


Após a celebração pude conversar com muitas pessoas, especialmente um grupo de romeiros de Santo Amaro da Imperatriz.

MISSA VOCACIONAL NA JORNADA DE ADORAÇÃO NO MORROTES

23 de julho de 2011. Às 15h, na matriz de Morrotes, aconteceu a Missa Vocacional, dentro das Quarenta Horas de Adoração, presidida por mim. Acompanharam-me os seminaristas e meus pais.


Este evento faz parte da série de atividades que comemora os 25 de existência da Paróquia Imaculada Conceição.


Várias equipes de serviço estavam atuando para que tudo corresse bem: acolhida (oferecendo água, panfletos, colhendo assinaturas dos presentes e oferecendo informações; o pessoal do som, cuidando das instalações e uso dos instrumentos e microfones; o pessoal da cozinha que estava preparando o bolo de 25 metros no salão; os líderes da comunidade de Santo Antônio de Pádua (presentes com mais de 40 pessoas) dirigindo a Adoração; os que estavam controlando o trânsito e organizando os estacionamentos; a equipe de comunicação que acompanhava os profissionais da Unisul-TV; o pessoal da (ministros, leitores, comentarista, músicos, coroinhas) preparavam a Missa; mais a CAEP que ditava as coordenadas.


A celebração começou na hora marcada. A animação ficou sob a responsabilidade de um Ministério de Humaitá de Cima, liderado pelo Milton. A parte de leituras, comentário e preces e Ministros da Comunhão ficou aos cuidados da comunidade da Guarda (Margem Esquerda).



A Missa transcorreu normalmente. A matriz estava tomada de fieis. Houve muita animação e fervor. Ao final, fez-se um momento vocacional, chamei os seminaristas para junto do altar. o Pe. Avelino, pároco e organizador de todos os festejos, cumprimentou aos presentes e me ofereceu uma estola comemorativa.



Em seguida chamei todos os jovens presentes (eram mais de 20 apenas da comunidade de Santo Antônio!) para aproximar-se do trono de Adoração, onde foi exposto o Santíssimo Sacramento. Com a bênção solene, encerrou-se a celebração. Uma outra aconteceu às 18h e, às 19:30h, encerrando a jornada, a Missa solene da festa, com queima de fogos e partilha do bolo de aniversário de 25 metros (construído com a participação das comunidades!).



Parabéns ao Pe. Avelino e aos seus colaboradores! Parabéns a todas as comunidades, com todos os seus organismos eclesiais! Animados e fortalecidos por este jubileu, trilhem ainda mais firmes nos caminhos da evangelização!

CONSELHO DIOCESANO AVALIA ASSEMBLEIA



23 de julho de 2011. 8:30h. O Conselho Diocesano de Pastoral teve mais uma reunião de reflexão e articulação pastoral. Foi a primeira depois da Assembleia ocorrida há duas semanas. Por isso, fez-se uma partilha sobre o evento, considerado altissimamente positivo.


Deram-se encaminhamentos a algumas decisões da referida Assembleia, especialmente quanto ao novo Plano de Pastoral, que lá foi aprovado. Dentre estes passos, cada setor de pastoral deverá definir o seu objetivo específico, com relação ao Plano, para o próximo ano.


Com a presença do Sr. Bispo D. Wilson Tadeu, a reunião terminou às 12:30h. O almoço marcou o momento de confraternização entre as lideranças.

MORROTES CELEBRA SEU JUBILEU DE PRATA PAROQUIAL



21 de julho de 2011. O aniversário de uma pessoa ou de uma instituição é sempre ocasião para alegrar-se, rever a caminhada e ampliar horizontes para o futuro. Muito agradecidas, as comunidades que compõe a Paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição de Morrotes festejam seus 25 anos de caminhada paroquial.


Foi no dia 13 de julho de 1986 que o Sr. Bispo D. Osório Bebber decretou a criação da nova paróquia, nomeando seu primeiro pároco Pe. Nilo Schlickmann. Depois dele, vieram os párocos Pe. José Benjamim Cipriano, Pe. Sérgio Jeremias de Souza e o atual Pe. Avelino de Souza.


Toda a paróquia foi envolvida em uma enorme programação festiva. O momento culminante foi a atividade Quarenta Horas de Adoração. Iniciada na madrugada desta quinta-feira, 21, deverá prolongar-se até a noite de 23, sábado, quando haverá uma celebração especial.

IRMÃS MADALENA E MARLI CELEBRAM JUBILEU DE CONSAGRAÇÃO



22 de julho de 2011. 18h. Novamente tive a alegria de presidir a Santa Missa na capela do Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão.


Além de celebrarmos o dia de Santa Maria Madalena, tínhamos um motivo especial para agradecer: o jubileu de prata de vida religiosa de Ir. Madalena Loch e Ir. Marli Mathias. A primeira é filha de Capivaras Alta, no pé da Serra e interior de Grão Pará. A segunda é natural do litoral, Parobé, no interior de Laguna, à beira da Lagoa de Sano Antônio.


A Ir. Lourdes, coordenadora da Casa Cristo Rei (comunidade do Hospital), iniciou a celebração anunciando a encerramento do tríduo de Ação de Graças pela efeméride. Quase 20 religiosas da Divina Providência estavam presentes. Durante a homilia procurei destaca elementos da vida religiosa que contribuem para a construção do Reino de Deus.


Ao final, usando novamente a palavra, a Ir. Lourdes convidou a Ir. Joana para que, juntas, entregassem um bouquet de rosas para cada jubilanda. Foi muito bonito e cantamos Parabéns à Você.


Nossas felicitações às queridas religiosas por esta data comemorada último dia 19. Que perseverem na vocação todos os dias de suas vidas.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

PODER DA CANÇÃO PREPARA-SE PARA GRAVAR PARTICIPAÇÃO EM CD



19 de julho de 2011. 19:30h. Ainda em fase de preparação, o novo meu CD contará com as ricas participações do Ministério Poder da Canção, de Tubarão. Nesta noite eu tive a alegria de reunir-me com as cantoras do Ministério (Andréia, Mônica e Edilene) para fazermos alguns acertos em vista da gravação.

Elas estão muito animadas e suas participações vão enriquecer bastante as novas canções. O Jailson nos acolheu em sua residência e acompanhou os ensaios. As gravações definitivas acontecerão em agosto próximo.

ANDERSON PARTICIPARÁ DO NOVO CD DO PE. AURICÉLIO

18 de julho de 2011. 10h.

Esta manhã, acompanhado do Anderson, estive no Estúdio Mega para encaminhar a participação do jovem cantor em meu novo CD.

Sua nova composição chama-se “Vento Impetuoso” e é muito linda.

O Giovani Soratto nos atendeu atenciosamente, como é próprio dele e pudemos realizar um belo trabalho.

É só esperar para ouvir!

CAPIVARI – MISSA VOCACIONAL NA MATRIZ



17 de julho de 2011. 19:15h. Na Semana do Seminarista nós visitamos todas as paróquias da nossa Comarca de Tubarão. Faltava apenas Capivari. Mas hoje, à convite do Pe. Adelino e da Pastoral Vocacional, eu e os seminaristas lá estivemos para celebrar com a comunidade a nossa fé.


Chovia muito, mas a matriz ficou quase lotada. Um Ministério constituído por três jovens animou a celebração. Rapaziada bacana e dedicada à música católica. Achei bonito que, a comunidade foi recepcionada pelo grupo que já estava cantando quase uma hora antes do início da Missa.


Um grupo de jovens trouxe a Bíblia em procissão. Durante a Missa, o Murilo Medeiros, coordenador diocesano da Pastoral da Juventude e paroquiano, explicou à comunidade o sentido da 12ª Jornada Mundial da Juventude. Esta Jornada acontecerá em agosto, em Madri, na Espanha, e terá a presença de três delegados de nossa Diocese, sendo ele mesmo um destes.


Também o seminarista Gabriel (que, igualmente, é membro daquela paróquia) usou a palavra para agradecer todo o carinho da acolhida e das orações pelas vocações.


Após a Missa, um jovem veio procurar-me para dizer que deseja ser padre e gostaria de ingressar no Seminário. Deus seja louvado por isso. E que envie muitos mais para a Sua Messe.


O Pe. Adelino, sempre muito gentil e alegre, nos levou à Casa Paroquial, onde nos ofereceu um delicioso cachorro-quente. Lá a conversa boa, recheada de suas engraçadas anedotas, continuou até tarde.

PEDRAS GRANDES – MISSA COM A COMUNIDADE



16 de julho de 2011. 19h. A comunidade de Pedras Grandes estava em festa; festa junina da Escola. Antes, porém, a comunidade lotou a igreja matriz para a Santa Missa dominical.


Eu presidi a celebração, acompanhado pela Equipe de Liturgia. O Pe. Vanderlei Tezza, o pároco, está em visita ao sertão da Bahia, onde ele realizou enriquecedora experiência missionária em anos idos.


Após a Missa, pude conversar com os muitos amigos que lá tenho, especialmente o pessoal da Pastoral Vocacional.

ORLEANS – ENCONTRO DE FORMAÇÃO PARA ANIMADORES VOCACIONAIS

16 de julho de 2011. 13:30h. Cerca de trinta pessoas participaram do Encontro de Formação para Animadores e Coordenadores de Coroinhas da Paróquia Santa Otília, de Orleans.


Cássio, coordenador paroquial dos Coroinhas e Zilma, coordenadora paroquial da Pastoral Vocacional, acolheram os presentes.


Comigo foi o propedêuta André Arthur, que me ajudou nas reflexões. Abordamos vários temas sobre o ministério com crianças e adolescentes coroinhas: o despertar vocacional nesta idade, história do acolitado e dos Coroinhas, sua importância na Igreja segundo os últimos Papas, compromissos dos Coroinhas, como preparar reuniões com eles...


A Paróquia possui cerca de 120 pequenos voluntários que auxiliam o padre no serviço do altar. A Ir. Ignez Maria, que assessora a Pastoral Vocacional de Orleans, também estava presente. Foi um rico momento de partilha da caminhada e ocasião para refletir sobre tarefa tão importante. Ao término do Encontro, todos participaram do lanche.

PAULO CRUZ – FESTA DA FÉ SOB A TENDA DE DEUS

15 de julho de 2011. 19:30h. A comunidade de Paulo Cruz situa-se nas proximidades do centro de Jaguaruna.


Seus poucos líderes são muito esforçados, e não se cansam de sonhar com uma comunidade participativa e atuante e fraterna.


A capela já está erguida, mas em fase de construção. O testemunho de seu padroeiro, São Paulo Apóstolo é uma grande inspiração para eles. Nesta noite de sexta-feira, eu presidi a Santa Missa da Festa do padroeiro.


O Ministério Vozes do Espírito animou a celebração, sempre com um repertório lindo, ajudando a comunidade a rezar. Waldir, Jota Souza, Walmir, Roberta, Magnus e Silvana deram conta do recado.


A Missa aconteceu sob uma grande tenda armada ao longo da estrada, na frente da capela. Portanto, a estrada foi interditada. Pessoas de outras comunidades também participaram. Os festeiros estavam muito contentes.


Acompanharam-me os seminaristas Judá, Lucas, Jonas e José Luiz. Após a celebração, além de poder conversar com tanta gente querida, fomos jantar na residência da Léia Piucco, a quem agradecemos imensamente.

MORRO DO MIRIM – FESTEJANDO A PRESENÇA DO SANTÍSSIMO





14 de julho de 2011. 20h. Novamente, tive a alegria de ser convidado para uma linda festa na comunidade de Morro do Mirim, em Imbituba: presidir a celebração em homenagem aos padroeiros Nossa Senhora do Carmo e São Pedro.


Fiz-me acompanhar dos quatro seminaristas da 1ª série: o Jean, o Daniel, o Adson e o Gabriel, que me auxiliaram na celebração.


A animação foi dirigida pelo Grupo de Cantores São José, de Guaiúba, daquele município. E, como sempre, realizou a sua função com brilhantismo, apresentando mais duas canções compostas por artistas do Grupo. Seu entusiasmo encantou todos os fieis.


Além de festejar seus padroeiros, a comunidade agradecia a Deus pelos dez anos de presença do Santíssimo Sacramento na capela do bairro. Não é toda comunidade que guarda uma data assim e relembra algo tão importante. Fiquei admirado e contente.


Durante a Missa houve homenagem aos Ministros da Comunhão (os atuais e os que já exerceram tal ministério), bem como aos Coroinhas (atuais e ex-coroinhas). Foi muito bonito perceber que todo ministério, quando é exercido para o bem da comunidade, faz a comunidade crescer; e a pessoa se enriquece espiritual e humanamente também.


Antes da despedida, houve um breve momento de Adoração ao Santíssimo Sacramento.


Após a celebração, a festa continuou no Salão, onde foi oferecido um jantar aos visitantes. Foi uma oportunidade para encontrarmos tantas pessoas que trabalham (quase anônimas) para o bem da Festa.


Encontramos lá também nossos amigos Vavá, Aninha e Josy, que fazem parte do Ministério Tons de Deus, e que gravaram comigo lindas participações no CD “Está escrito no Céu”.

MISSA VOCACIONAL NA FESTA DE SÃO CAMILO E SANTA PAULINA

13 de julho de 2011. 19:30h. Chovia. Mas a capela ficou lotada de fieis para a Missa-novena em homenagem a São Camilo de Lellis e Santa Paulina do Coração Agonizante de Jesus.


A comunidade de Paes Leme, em Imbituba, preparou uma semana de atividades religiosas e sociais para festejar seus padroeiros. Seu Moreno e sua esposa ornamentaram a igreja com pequenas margaridas deixando-a mais linda ainda. Linda e meiga!


Novamente, tive a alegria de celebrar a Santa Missa com esta comunidade querida. A Associação Coral de Imbituba, que estreava sua nova regente, depois do fatídico incidente ocorrido com o Leco, seu excelente maestro, foi quem cuidou dos cânticos.


Além da maestrina Jeane, o coral estreou dois novos instrumentistas violinistas. Um deles, o Anderson, por alguns anos freqüentou nossos Estágios Vocacionais.


Fui acompanhado dos seminaristas Gustavo e Alberto, que deixaram seu recado vocacional.


No Salão de Festas, o nosso amigo Dr. Manoel Bertoncini, advogado em Imbituba, e que tem especial carinho por Pescaria Brava (inclusive é moderador de um site), nos convidou para saborearmos com ele um belo churrasco (com pães e batatas-fritas).


Encontrei vários conhecidos daquela região; gente boa e que tem um grande amor pela Igreja de Jesus.

domingo, 10 de julho de 2011




ASSEMBLEIA DE PASTORAL APROVA NOVO PLANO DIOCESANO

9 de julho de 2011. 8h. A manhã fria não impediu que todos os delegados da Assembleia Diocesana de Pastoral da Diocese de Tubarão se reunissem no Auditório da CEDA.


Após a acolhida e o momento de oração, Pe. Lino encaminhou a apresentação do texto do Plano Diocesano após o incremento das muitas emendas que foram apresentadas na noite anterior. Houve alguma discussão sobre certas dúvidas, mas percebeu-se sempre um clima muito amistoso e de cooperação. Todas as alterações foram revistas e aprovadas em seguida.


Por fim, o texto do documento foi acolhido na sua íntegra pela Assembleia e aprovado. Sua vigência será pelos próximos dez anos, devendo sofrer uma revisão para atualização dentro de cinco anos.


Em seguida, na capela da CEDA, aconteceu a Santa Missa da unidade diocesana, presidida por D. Wilson. Os seminaristas de nosso Seminário Nossa Senhora de Fátima animaram com os cânticos. D. Wilson estará aniversariando amanhã. Por isso, no almoço, ele recebeu uma singela, mas carinhosa homenagem dos participantes e ficou muito agradecido.


No encerramento da última sessão, o Sr. Bispo usou da palavra para comentar suas impressões da Assembléia. “Irmãos, este Documento que acabamos de aprovar é a cara da nossa Diocese. Nele há lacunas, buracos... mas é assim mesmo que somos! Mas há também muitos sonhos, muito empenho de nossa gente que busca o Reino de Deus! Também é assim a nossa Diocese!


Muita gente trabalhou para que chegássemos até aqui. Foi um grande esforço. Nestas páginas está o rosto de muita gente. Era o que queríamos e foi o que aconteceu. Houve um grande debruçar-se sobre este trabalho. Como Bispo, isto me deixa muito contente.


Evidencio os nomes de duas pessoas que foram muito eficientes neste processo: Pe. Nilo Buss e Pe. Lino Brunel. Seus nomes possuem as mesmas letras, mas em ordem inversa (brincou). Eles se desdobraram diuturnamente para que pudéssemos ter os textos deste Plano. Em suas pessoas, eu cumprimento a todos os diocesanos e diocesanas.


Voltaremos para nossas paróquias com sentimento de esperança. O bailinho que houve aqui há pouco é um sinal desta nossa alegria. Fizemos um grande trabalho e definimos um Plano que será muito importante para nossa Diocese nos próximos anos. Agora, convoco a todos a serem portadores deste Documento.”


A Assembleia encerrou-se às 16:30h.

D. WILSON ABRE ASSEMBLEIA DIOCESANA DE PASTORAL



8 de julho de 2011. 18h. CEDA. Uma Assembleia Diocesana de Pastoral está para acontecer. Mais de cem delegados estão chegando de todas as 28 paróquias da Diocese de Tubarão. São leigos e leigas, padres e religiosas, seminaristas e nosso Bispo, D. Wilson Tadeu.

Todos vem trazendo muita alegria pois, nesta Assembléia, dever-se-á aprovar o novo Plano Diocesano de Pastoral. O trabalho anterior à Assembleia teve início em 2009, quando, sob orientação de D. Jacinto, iniciamos e realizamos uma Pesquisa por Amostragem para vermos a realidade de nossa Diocese. Foi um trabalho “de fôlego”, que serviu de base para os estudos posteriores nas comunidades, paróquias e comarcas. Deste movimento saíram muitas propostas de ação e muita reflexão foi feita para definirmos diretrizes para nossa caminhada eclesial pelos próximos anos.

Pe. Lino Brunel, o coordenador de Pastoral da Diocese, acolheu os participantes e encaminhou a formação da mesa presidencial da Assembleia, chamando o Pe. Nilo Buss, Vigário Geral e S. Excia, Revma. D. Wilson para presidir os trabalhos. Também o Pe. Lino ocupou o seu lugar na referida mesa.

A seguir, D. Wilson acolheu aos presentes e deu abertura aos trabalhos com estas palavras: “Nós temos o auxílio dos vários instrumentos da técnica moderna para nosso trabalho nesta Assembleia. Contudo, é Deus quem se revela em nossos trabalhos e pela nossa participação. Deus quer aproveitar a nossa realidade e o nosso esforço para a construção de nosso novo Plano de Pastoral.

Estamos unidos num mesmo espírito e imbuídos de um desejo de fazermos o melhor que pudermos. Agradeço a todos os que já trabalharam até aqui. E quero acolhê-los com minhas boas-vindas. Declaro aberta a Assembleia Diocesana de Pastoral da Diocese de Tubarão.”

Após os momentos de animação e espiritualização, fez-se um levantamento de sugestões de emendas ao texto “A Comunidade e a Missão dos Discípulos Missionários de Jesus Cristo na Diocese de Tubarão”. Apresentadas as emendas e tiradas as dúvidas, encerrou-se os trabalhos por volta das 22h.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

INICIAÇÃO CRISTÃ É TEMA DE CURSO DOS PRESBÍTEROS DA DIOCESE DE TUBARÃO


04 de julho de 2011. 19h. Anualmente os presbíteros de nossa Diocese de Tubarão tem o seu curso de formação permanente. Neste ano, o curso acontece em Tubarão, na CEDA – Casa de Encontros Dom Anselmo, no período de 4 a 6 de julho.


Os presbíteros irão refletir sobre Iniciação Cristã, tema muito pertinente para os desafios da evangelização hoje.


O dirigente do Curso será o Pe. Domingos Ormonde, da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Nesta noite, portanto, o Pe. Rafael, coordenador da Pastoral Presbiteral, e o Sr. Bispo Dom Wilson Tadeu acolheram o palestrante.


O primeiro tema a ser estudado foi a visão antropológica da questão do Batismo, fundado no Documento de Aparecida. Várias problemáticas foram levantadas. Muitas boas reflexões foram feitas, revelando que o nosso clero está atento às necessidades da Igreja em nossa diocese e no mundo. A questão da Pastoral do Batismo mexe com todo o esforço de evangelização da nossa Igreja.


Apesar do frio intenso (chegou a fazer 4 graus centígrados em nosso Seminário por volta das 18:30h), quase todos os sacerdotes estavam presentes à primeira sessão deste Curso. Desejamos aos nossos sacerdotes um frutuoso estudo!

LANÇAMENTO DO CD EM QUARTA-LINHA, IÇARA


03 de julho de 2011. 18h. Mais uma vez, com o convite da Angelita, uma ex-aluna minha de Tubarão, tive a alegria de celebrar a fé e cantar minhas canções para/com a comunidade de Quarta-Linha, em Içara.

Aliás, eu cheguei às 16:50h para acompanhar a parte final do Louvor da Juventude que acontecia no Salão de Festas da comunidade. Ao som do Ministério Frutos do Espírito, de Jardim das Paineiras (Içara), mais de uma centena de jovens dançavam e louvavam a Deus. Fui convidado a dirigir a bênção final, quando todos os participantes do evento, abraçados, formaram um grande círculo.

A Léia e a Rosilda, que me acompanhavam, participaram deste momento. Após o lanche, fomos para a igreja, onde aconteceria a Santa Missa. Toda a comunidade foi convidada e o enorme templo ficou repleto.

Às 18h iniciamos a celebração. O Ministério Canto das Águas, da própria comunidade, animou a Missa com suas belas canções polifônicas e ajudando o povo a rezar.

Os jovens adentraram o recinto em duas filas, portando uma enorme chave e uma espada, e as depositaram aos pés do altar onde estava a imagem da Beata Albertina. Eram os símbolos dos santos apóstolos hoje festejados: Pedro e Paulo. Durante a celebração eu pude cantar “Amar, nossa primeira vocação”, “Está escrito no céu” e “Albertina de Jesus”.

Na oração do Pai Nosso convidei toda a comunidade a sair de seus lugares e se aproximarem do altar. De mãos dadas fizemos a oração e o abraço da paz. Foi muito bonito.

Ao final, pedi para dois jovens e a Ir. Isabel (Filhas do Divino Zelo, da PV local) darem seus testemunhos sobre o Louvor que aconteceu à tarde.

Após a Missa, eu conversei com muitas pessoas. Fomos muito bem acolhidos. Já estava muito escuro quando terminamos a Missa e um frio impiedoso nos convidava a retornarmos para o calor de nossas casas. E foi o que fizemos!

Registro a minha gratidão às meninas que me acompanharam e me ajudaram com as vendas de CD’s. Obrigado!

2º ENCONTRÃO VOCACIONAL REUNIU MAIS DE 50 GAROTOS


02 de julho de 2011. 8h. Hoje o dia começou cedo para todos nós. Após o Café da Manhã, cada um foi assumindo o seu posto e sua função para deixar tudo em ordem assim que os rapazes chegassem para mais um Encontro Vocacional.


O 2º Encontrão deste ano ficou meio ameaçado de não ter êxito devido à Greve que, se acabasse, poderia exigir reposição de aulas neste sábado. Mas, não. Tudo correu bem. Até o clima colaborou: a chuva cessou e o frio amenizou.

Os garotos foram chegando bem dispostos e eram logo bem acolhidos pelos seminaristas Adson e André e pelos padres. Cada um fez sua inscrição e recebeu um crachá. Cuidaram desta função os seminaristas Lucas, Daniel e Gabriel. No auditório a equipe de animação empunhou violões e microfones para agitar a galera.

Aos poucos todos foram perdendo a habitual e normal vergonha inicial e participando das músicas com gestos. O Pe. Pedro, reitor, dirigiu uma palavra de acolhida aos 56 participantes. Cinco leigos vieram acompanhar os garotos.

Os seminaristas Judá e Lucas dirigiram a Oração Inicial, utilizando o texto bíblico escolhido para ser o tema deste Encontrão: “Deixem vir a mim as crianças, pois delas é o Reino dos Céus” (Lc 18,16).

O Pe. Auricélio dirigiu uma reflexão a partir do texto Mt 13 “Parábolas sobre o Reino dos Céus”. Após o lanche, todos assistiram ao desenho animado “Reino de Deus” e houve uma breve partilha.

A Santa Missa de Maria Imaculada aconteceu na CEDA, junto com as participantes o Encontro Vocacional Feminino. O Pe. Pedro a presidiu, ladeado do Pe. Auricélio. Os seminaristas e alguns vocacionados instrumentistas cuidaram da animação.

Após a Missa, ali mesmo na CEDA, fizemos uma foto para o “álbum histórico”. Cada um se esforçou para que a foto ficasse bem bonita... e ficou!!

Após a refeição teve início a parte dos jogos de mesa, de quadra e no campo. Após tantos dias de chuva, era natural que o campo estivesse encharcado. Mas daí é que se tornou mais atrativo e as brincadeiras mais engraçadas. Todos tomaram banho de lama!... Diziam: “Ah se minha mãe me visse assim!” Tudo correu bem.

Recompostos, às 15:30h, se reuniram no Auditório para a Avaliação em grupos. Depois de muita animação, já com saudades, o Encontrão foi encerrado com o café da tarde.

Nossa gratidão aos participantes e aos leigos, pais, agentes vocacionais e padres que incentivaram a realização de mais este evento vocacional. o próximo Encontrão será dia 1º de outubro! Aguardamos todos novamente!!! E muitos mais participantes!!!

3º ENCONTRO VOCACIONAL FEMININO – CHEIO DE ÊXITO



02 de julho de 2011. 8h. Graças a Deus, cessou a chuva que vinha caindo sobre nossa região nestes últimos dias; e o frio intenso também deu uma trégua. Isso significa que tudo estava de acordo para a realização de um belo Encontro Vocacional. Não deu outra: as adolescentes e jovens foram chegando aos poucos em nosso Seminário.


As Irmãs e os seminaristas haviam deixado tudo em ordem para acolhê-las. Elas vieram animadas e dispostas a participar de todas as atividades que lhes seriam propostas.

Eis os objetivos deste 3º Encontro Vocacional Feminino: propiciar às jovens um maior conhecimento sobre a vocação à vida religiosa, despertando e cultivando novas vocações, no encontro pessoal com Jesus através dos padres, religiosas (inter-congregacional) e seminaristas que vivem animadamente o seu “sim” e o seu carisma.


A Ir. Nazarita cuidou da animação, com o seu poderoso violão. A primeira reflexão foi dirigida pela Ir. Rose, envolvendo as participantes em várias dinâmicas. Tratou do “Encontro com a pessoa de Jesus”.


A segunda reflexão foi feita pela Ir. Goreti, sobre “Nossa Senhora”. Às 11:30h, na capela da CEDA, contígua ao Seminário, houve a Missa Vocacional. foi presidida pelo Pe. Pedro De Biasi e concelebrada pelo Pe. Auricélio. Irmãs, vocacionadas e os rapazes do Encontrão Vocacional participaram.


Após o almoço, as Irmãs e jovens fizeram uma foto comum e se reuniram para conferir algumas apresentações teatrais. As Irmãs Naza e Eliete dirigiram um mini-gincana com as moças. Foi uma grande animação entre as equipes amarela e vermelha!


O Encontro terminou às 16 h com o café. Todas estavam muito felizes e já planejando um novo Encontro. Estavam presentes 45 jovens e as Irmãs Nazarita, Edilsa e Irmgart (Divina Providência), Verônica, Assunta, Leontina e Goreti (Beneditinas da Divina Providência), Rose, Eliete e Maria Inês (Coração de Jesus - Servian), Catarina (Catequistas Franciscanas) e Ignez Maria (Vicentinas).


Neste segundo semestre cada comunidade religiosa irá promover os seus próprios Encontros. O próximo Encontro Diocesano, portanto, somente em 2012. Agradecemos a atenção dos seminaristas às Irmãs e vocacionadas. Também às voluntárias, especialmente à D. Fátima, que ajudaram na cozinha e a tantos benfeitores e Equipes Vocacionais. Sabemos que muitos padres cuidaram da divulgação do evento. À eles nossa gratidão.

MISSA NA COMUNIDADE DE SÃO TOMÉ



01 de julho de 2011. 20h. Não poderia estar melhor. A comunidade de São Tomé reunida, festejando o seu padroeiro e a sua devoção ao Sagrado Coração de Jesus. A animação foi feita pelo Grupo de Cantores Amigos pela Fé, da Catedral.


A celebração solene contou com o auxílio de um grupo de acólitos, com direito a incenso e tudo. Após a comunhão, houve a cerimônia de coroação da imagem do Coração de Jesus, quando eu chamei para perto do altar todos os membros do Apostolado e renovamos a Consagração.


Os seminaristas Judá, André Arthur, Lucas e Adson me acompanharam. O Judá, por sinal, é filho desta localidade e recebeu muito carinho dos seus conterrâneos. Sua mãe Tereza estava presente e o viu encenar o apóstolo padroeiro, caracterizado com figurino especial.


Após a celebração, fomos encaminhados ao Salão de Festas, onde nos ofereceram um lanche junino: cachorro-quente, quentão, pinhão e amendoim. Tudo correu muito bem, num clima de fraternal celebração.

PONTA DAS PEDRAS – LAGUNA – MISSA DE SÃO PEDRO



29 de junho de 2011. 20h. Em Laguna, avançada no mar aberto, em pleno inverno, é normal que o vento frio congele qualquer aventureiro que se atreva a sair caminhando pela rua. Com base neste conhecimento, eu e os seminaristas Judá e André Arthur, fomos à comunidade de São Pedro, em Ponta das Pedras, Laguna. Era a missa festiva de seu padroeiro.


Para nossa surpresa, não havia vento; a noite estava límpida, e a pequena capela tomada de pessoas. Eu ainda não conhecia a comunidade. Suas ruas estreitas, com subidas e becos, fizeram-me lembrar das ruelas de Florianópolis, especialmente no Morro do Mocotó, onde fui muito bem acolhido e dormi certa vez por ocasião de um Encontro Estadual de CEB’s.


Uma liderança da comunidade nos acolheu: “é uma honra para a nossa comunidade recebê-los aqui”. A animação da Missa foi feita pelo Coral Infantil do Colégio Stella Maris (que se situa na comunidade e é propriedade das Irmãs da Divina Providência), acompanhado de um tecladista.


Os seminaristas auxiliaram-me na celebração. Durante a reflexão cantei “Sorrir pra vida” e “Amar, nossa primeira vocação”. Foi muito celebrar com este povo simples e devoto.